Tatuagem e depilação a laser, pode?

A depilação a laser pode ser uma grande aliada de quem gosta de tatuagens. Isso porque é aconselhável que a área ser tatuada não tenha pelos enquanto ela é feita. A arte não pode ter obstáculos na hora de fazer a tatuagem, diminuindo a chance de erros. Além disso, depois de concluída, o desenho fica mais evidente quando a região está sem pelos. Não existe problema algum em fazer depilação a laser antes de tatuar, o problema está em depilar a área já tatuada.

Depilação a laser em um local da pele já tatuado não é aconselhável devido ao funcionamento do laser. O laser utilizado nesse tratamento tem um comprimento de onda preciso para atingir o pigmento presente no pelo e na base do pelo para que seja eliminado.

Por atingir pigmentos, o laser atinge a tinta da tatuagem e pode provocar a queima da área tatuada além de remover a cor do desenho. É aconselhado, então, que o cabeçote do equipamento que emite o laser nunca seja apontado para região que possui a tinta da tatuagem. Para evitar isso, a região da tatuagem é completamente isolada para que o laser não a atinja.

É por essa razão que aconselhamos o tratamento de depilação a laser ANTES de fazer uma tatuagem na região, pois depois a área não poderá ser depilada usando esse método.